Meus pêsames: a origem do termo

Meus pêsames: a origem do termo

No momento de perda de um familiar, amigo ou conhecido, é muito comum expressarmos nossos sentimentos, ou até mesmo recebermos compaixão de alguém.

Palavras e mensagens de conforto sempre são bem-vindas em momentos de luto, e são diversas as formas que elas podem ser expressadas.

Algumas frases de conforto englobam “sinto muito”, “meus sentimentos” e “minhas condolências”. Mas, sem dúvidas, a mais recorrente e de maior destaque é a expressão “meus pêsames”.

O termo “pêsames”, muito utilizado como palavra de conforto em momentos de dor, tem uma origem e significado que não são muito difundidos. Nesse artigo, vamos entender qual, de fato, é o significado dessa expressão.

Significado de “meus pêsames”

A palavra pêsames vem do termo “pesa”, vinculada ao pronome “me”, resultando em “pesa-me”.

O significado remete ao sentimento de pesar, dor ou compaixão pela morte de alguma pessoa. Como é o caso da frase “Pesa-me vê-lo sofrer”, ou seja, há a expressão de dor e de compaixão por ver alguém sofrer pela perda de um ente querido.

Da união de “pesa-me”, surgiu o termo “pêsame”, que é utilizado mais comumente na sua forma no plural – pêsames – para expressar um sentimento de solidariedade com o sofrimento de perda de alguém.

O termo “meus pêsames” é muito utilizado em funerais por familiares ou amigos próximos a pessoa falecida. A expressão transparece que o ente próximo sente muito, lamenta a perda e esta condolente com a situação.

Em um momento difícil de se expressar, como em um velório, por mais sincera que seja nossa tristeza, muitas vezes é melhor contribuir com poucas palavras.

Dificilmente, um grande discurso ou uma extensa conversa com o ente enlutado vai surtir o conforto que ele necessita no momento da perda. Esse período inicial é de tristeza, dor, inconformidade, assimilação dos fatos, e poucas palavras são suficientes para mostrarmos nosso respeito e sentimento pelo ocorrido.

Por isso, “meus pêsames”, assim como outras frases curtas são bem-vindas em momentos de luto.

Resistência ao uso do termo

Há quem não concorde com o uso da expressão, ou que não goste de usá-la. Consideram o termo muito negativo, e crêem que não contribui para amenizar a dor da pessoa enlutada, podendo, muitas vezes, até piorar.

Acreditam que “meus pêsames” possam surtir sentimento de concordância com a dor, de que realmente deve haver o sofrimento, que a tristeza existe sim, e que, assim, o familiar ao amigo da pessoa falecida pode vir a sofrer ainda mais.

Para quem não simpatiza com a expressão, um simples abraço, a utilização de outras palavras, não tão pesadas (como reflete o sentido literal de “pêsames”), ou até mesmo outros assuntos que façam a pessoa enlutada esquecer por uns momentos a dor, são mais apropriados para as condolências com a perda de um ente querido.

Mas a verdade é que a famosa palavra é sim a mais ouvida e dita em momentos de luto, seja na forma verbal ou escrita.

Nem sempre conseguimos, com gestos ou palavras, acalmar os sentimentos de aflição e dor causados pela perda de alguém. Em momentos delicados, falar é difícil, e agir também assim pode ser.

Muitas pessoas ficam sem saber o que falar ou o que fazer quando se deparam com o falecimento de um ente próximo de um familiar ou amigo.

Porém, temos sempre que nos conscientizar que a pessoa enlutada espera sim algum tipo de força ou conforto proveniente de pessoas próximas. Se ausentar em um momento de dor de uma pessoa querida, pode gerar sentimentos ruins de ausência, que certamente serão recordados pela pessoa enlutada.

Por isso, nunca deixe de manifestar suas condolências em momento oportuno. Expresse sua solidariedade, seus pêsames com o fato ocorrido, mesmo que somente por mensagem escrita.

Nunca deixe de externar suas condolências

Nem todos simpatizam com velórios, assim como não são obrigados a comparecer a algum contra sua vontade. É compreensível: há pessoas que realmente não se sentem confortáveis em ocasiões como essa.

Mas, os sentimentos de pesar, quando verdadeiros, devem sempre ser manifestados, como forma de respeito e compaixão.

Então, jamais deixe de dar suas palavras de conforto. Elas serão lembradas com eterno carinho pelo ente enlutado, frente a um momento de dor.

Agora que você já sabe o significado da palavra “pêsames”, não deixe de usá-la quando quiser expor seu pesar. Caso tenha dificuldades em escrever ou falar, na internet há diversas sugestões de mensagens de luto que poderão lhe auxiliar.